24 de janeiro de 2019

FGTS: Conheça mais sobre este direito do trabalhador

Inicialmente, o fundo de garantia por tempo de serviço ou FGTS, é uma “poupança forçada”, suportada exclusivamente pelo empregador, que se destina à indenização por tempo de serviço do empregado, regulada pela Caixa Econômica Federal.

Todavia, é destinada somente a uma classe de trabalhadores, tendo em vista as disposições da lei/obrigação do empregador em recolher, sendo para:

– Àqueles que trabalham com carteira assinada/anotada;

– O trabalhador avulso;

– Os atletas profissionais, e;

– Empregados domésticos (LC nº 150/2015).

Contanto, os empregados domésticos somente passou a ser obrigatório depois da promulgação da EC 72/2013, uma vez que o recolhimento era facultativo ao empregador, assim, passou a ser direito constitucional assegurado aos domésticos.

Nesse sentido, o artigo 34, inciso IV, da LC nº 150/2015, passou assegurar o depósito de 8% da remuneração do empregado doméstico para o recolhimento do FGTS, senão vejamos:

“Art. 34. O simples doméstico assegurará o reconhecimento mensal, mediante documento único de arrecadação, dos seguintes valores:

(…)

IV – 8% (oito por cento) de recolhimento para o FGTS;

Desta forma, os depósitos efetuados nas contas vinculadas que estão por supervisão da Caixa Econômica Federal, terão o direito de fixação para atualização dos saldos dos depósitos, com juros a 3% ao ano.

Por outro lado, a alíquota que é de 8% sobre a remuneração para os empregados delineados acima, os aprendizes terão alíquota direito somente de 2% sobre a sua remuneração, conforme infere-se parágrafo 7º, do artigo 15, da lei do FGTS (8036/90).

Entretanto, vale relembrar, que a CLT prevê obrigatoriedade na contratação desses profissionais no mínimo de 5% e, no máximo, 15% do Quadro dos Trabalhadores, como aprendizes, mas não cabendo aplicação aos empregadores sem fins lucrativos, as microempresas e as empresas de pequeno porte.

Assim, somente os empregados que receberam a dispensa sem justa causa ou por rescisão indireta poderão receber/sacar, o FGTS, bem como aqueles por enfermidades graves e para aqueles que irão adquirir Imóveis pelo programa social Minha Casa Minha Vida.

Por outro lado, os que obtiveram a dispensa por justa causa ou pedido de demissão, não terão direito a indenização (FGTS) .

Ademais, importante destacar, que o empregado tem um prazo para reclamar do não recolhimento dos depósitos do FGTS, de acordo com a súmula abaixo, vejamos:

Súmula nº 362 TST: FGTS prescrição.

I- para os casos em que a ciência da lesão ocorreu a partir de 13. 11.2014, é quinquenal a prescrição do direito de reclamar contra o não recolhimento de contribuição para o FGTS, observando o prazo de dois anos após o término do contrato;

II- para os casos em que o prazo prescricional já estava em curso em 13.11.2014, aplica-se o prazo prescricional que se consumar Primeiro: 30 anos, contados do termo Inicial, ou cinco anos, a partir de 13.11.2014. (STF- ARE-709212/DF)

Deste modo, ainda, a regra de transição intertemporal se aplica para os casos em que o prazo prescricional já estava em curso.

Por fim, não cabendo acordo entre empregado e empregador para o pagamento das verbas de FGTS, caberá o empregado buscar o direito através de uma reclamatória trabalhista em face ao empregador para ter o seu direito garantido.

Fonte: Rede Jornal Contábil

ENVIADO POR Ampaulo Castro

Bacharel em Ciências Contábeis pelas Faculdades Integradas do Extremo Sul da Bahia

Pós-graduado em Gestão Pública pela UNEB – Universidade do Estado da Bahia.

Experiência como Analista Contábil e Analista de Administração de Pessoal.

Conhecimento em sistemas ERP Flex, Questor, Domínio, Nydus Systems e PuTTY.

Avançado em pacote Office e libre office, princialmente em planilha eletrônica como diferencial.

Responsável, dinâmico, pró-ativo, organizado e com bom relacionamento interpessoal.

Outras notpicias

21 de janeiro de 2022

Preciso de um alto investimento para ini...

Montar seu próprio negócio, sem dúvidas é algo que algum dia passou em sua cabeça, mas, o grande receio é, e o investimento para tal? Pois bem, o que vai definir o montante de ...

17 de janeiro de 2022

Salário Mínimo 2022

Mais uma alteração! Salário mínimo para 2022 tem nova mudança; veja o novo valor Como já informado, o reajuste não trará ganho real aos trabalhadores, uma vez que será uma atualização correspondente a inflação ...

14 de janeiro de 2022

Alterações no acesso ao ambiente do e-CA...

Foram identificadas instabilidades no acesso ao e-CAC nos últimos dias, dentre os esforços realizados para solucionar os problemas, a Receita Federal entrou em contato com representantes da classe contábil para estabelecer uma estratégia ...

13 de janeiro de 2022

Como formalizar o meu negócio?

A última e não menos importante, pois dela irá depender toda a sua organização e consequentemente sucesso de seu negócio é a etapa da legalização de sua empresa, inicialmente você precisará reunir todos ...

12 de janeiro de 2022

Dia Nacional do Empresário Contábil

11 de janeiro de 2022

É possível ter uma empresa online?

A resposta é Sim! Graças à tecnologia cada vez mais avançada, o mundo digital está ampliando as possibilidades de trabalhos possíveis de serem realizados fora dos ambientes corporativos e/ou comerciais tradicionais e tornando-se possível ...

7 de janeiro de 2022

Empresa Inativa e sem movimento

Primeiramente precisamos entender o que é uma empresa inativa e uma empresa sem movimento: Inativa é aquela sem nenhum tipo de atividade realizada, seja ela operacional, não operacional ou financeira, na empresa inativa não ...

5 de janeiro de 2022

A importância de organizar as obrigações...

Anualmente, as empresas precisam fazer um balanço de suas finanças e planejar os ajustes necessários para o próximo período. Essa é uma prática que traz segurança e tranquilidade para manter o negócio nos ...

27 de dezembro de 2021

Novas regras trabalhistas entram em vigo...

👉Transporte dos trabalhadores O vale só poderá ser usado em serviços de transporte coletivo urbano. Empregados domésticos é a única categoria que pode receber o vale-transporte de forma antecipada em dinheiro ou outra forma de ...

23 de dezembro de 2021

GFIP – Câmara aprova projeto que p...

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, o Projeto de Lei 4157/19, que anula débitos tributários pelo descumprimento da entrega da Guia de Recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço e ...

21 de dezembro de 2021

O fim da DIRF e seus impactos no eSocial

Dessa maneira, esse sistema vai alterando a maneira como a DIRF era vista, uma vez que a empresa que consegue trabalhar de forma adequada com o eSocial já está transmitindo mensalmente as informações ...

20 de dezembro de 2021

O sócio é responsável pela dívida da emp...

👉 Dívidas trabalhistas e previdenciárias – Como se trata de pessoas que dedicaram sua força de trabalho na empresa. Portanto, para a justiça, se o valor devido aos funcionários não forem pagos pela ...

Acesso rápido para clientes e parceiros

Estamos sempre dispostos a ajuda-lô.

Precisa de ajuda com alguma dúvida? Ligue já:
Atenção Cliente: Novos Whattsapp do Escritório Percont
RH – 55 3332-1618
Contabilidade – 55 3332-9512
Fiscal – 55 9 9910-0639