23 de maio de 2017

Quebra de banco de horas

banco de horas cuidado no artigo 59, § 2º da Consolidação das Leis do Trabalho possibilita ser dispensado o acréscimo de salário se, por força de acordo ou convenção coletiva de trabalho, o excesso de horas em um dia for compensado pela correspondente diminuição em outro dia, de maneira que não exceda, no período máximo de um ano, à soma das jornadas semanais de trabalho previstas, nem seja ultrapassado o limite máximo de dez horas diárias. Isso representa uma flexibilização das jornadas de trabalho diária e semanal máximas vaticinadas no artigo 7º, XIII da Constituição Federativa da República do Brasil.

Na prática o sistema de banco de horas pode ser utilizado em momentos de pouca atividade na empresa para reduzir a jornada normal dos funcionários durante um período, sem o proporcional decréscimo de salário, permanecendo um crédito de horas para utilização quando a produção crescer ou a atividade acelerar. Do contrário, se o sistema iniciar em um momento de forte atividade da empresa, a jornada poderá ser estendida além da normal sem o proporcional acréscimo de salário, permanecendo ao funcionário crédito para abater da jornada, posteriormente.

Para a validade do banco de horas são necessários certos requisitos a serem cumpridos:

  • autorização ou fixação através de acordo ou convenção coletiva de trabalho, por se tratar de situação extremamente mais gravosa ao empregado;
  • no caso de autorização, necessário acordo individual estipulando o banco de horas;
  • que o excesso de horas em um dia seja compensado pela correspondente diminuição em outro dia, dentro do período máximo de um ano;
  • que não seja ultrapassado o limite máximo de 02 (duas) horas extras diárias, conforme o art. 59 da CLT;
  • que dentro do período máximo de um ano, a compensação não exceda a soma das jornadas semanais de trabalho previstas;
  • seja possibilitado ao empregado o acompanhamento mensal do saldo de créditos e débitos, no período de execução do ajuste.

Assim, caso qualquer dos requisitos elencados acima seja desrespeitado, o banco de horas pode ser invalidado na Justiça e todo trabalho que excedeu 08 (oito) horas diárias e 44 (quarenta e quatro semanais) deverá ser remunerado como extraordinário em no mínimo 50% (cinquenta por cento) a mais do normal, nos termos do artigo 7º, XVI da Constituição Federativa da República do Brasil.

 

TRT-PR-16-05-2017 BANCO DE HORAS. HABITUAL PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS ALÉM DE 10 HORAS DIÁRIAS. AUSÊNCIA DE NORMA COLETIVA PARA TODO O PERÍODO CONTRATUAL IMPRESCRITO. VIOLAÇÃO AO DISPOSTO NO ART. 59, § 2º, DA CLT E À SÚMULA 85, V, C. TST. O banco de horas representa flexibilização das jornadas de trabalho diária e semanal máximas previstas na Constituição Federal de 1988, mediante o qual o trabalho extraordinário é compensado, geralmente no período máximo de 1 ano, nos termos do art. 59, § 2º, da CLT. Tal regime de trabalho somente é válido se houver autorização expressa em instrumento coletivo, observadas as respectivas normas legais e convencionais. No caso, a inexistência de norma coletiva a amparar o banco de horas para todo o período contratual imprescrito e o habitual labor do autor além do limite de 10 horas diárias impossibilitam o seu reconhecimento. Recurso da reclamada a que se nega provimento, no particular. TRT-PR-05078-2015-863-09-00-4-ACO-15802-2017 – 7A. TURMARelator: BENEDITO XAVIER DA SILVAPublicado no DEJT em 16-05-2017

TRT-PR-10-02-2017 BANCO DE HORAS. ART. 59, § 2º, DA CLT. LIMITE MÁXIMO DE DEZ HORAS DIÁRIAS. É nulo o banco de horas quando não é respeitado o limite estabelecido no § 2º do art. 59 da CLT. A validade do banco de horas impõe o respeito ao estabelecido no dispositivo em tela. Recurso da reclamada ao qual se nega provimento. TRT-PR-01623-2015-091-09-00-7-ACO-04618-2017 – 3A. TURMARelator: THEREZA CRISTINA GOSDALPublicado no DEJT em 10-02-2017

 

Via Nardelli Borges / Link: https://www.jornalcontabil.com.br/quebra-de-banco-de-horas/

Outras notpicias

17 de janeiro de 2022

Salário Mínimo 2022

Mais uma alteração! Salário mínimo para 2022 tem nova mudança; veja o novo valor Como já informado, o reajuste não trará ganho real aos trabalhadores, uma vez que será uma atualização correspondente a inflação ...

14 de janeiro de 2022

Alterações no acesso ao ambiente do e-CA...

Foram identificadas instabilidades no acesso ao e-CAC nos últimos dias, dentre os esforços realizados para solucionar os problemas, a Receita Federal entrou em contato com representantes da classe contábil para estabelecer uma estratégia ...

13 de janeiro de 2022

Como formalizar o meu negócio?

A última e não menos importante, pois dela irá depender toda a sua organização e consequentemente sucesso de seu negócio é a etapa da legalização de sua empresa, inicialmente você precisará reunir todos ...

12 de janeiro de 2022

Dia Nacional do Empresário Contábil

11 de janeiro de 2022

É possível ter uma empresa online?

A resposta é Sim! Graças à tecnologia cada vez mais avançada, o mundo digital está ampliando as possibilidades de trabalhos possíveis de serem realizados fora dos ambientes corporativos e/ou comerciais tradicionais e tornando-se possível ...

7 de janeiro de 2022

Empresa Inativa e sem movimento

Primeiramente precisamos entender o que é uma empresa inativa e uma empresa sem movimento: Inativa é aquela sem nenhum tipo de atividade realizada, seja ela operacional, não operacional ou financeira, na empresa inativa não ...

5 de janeiro de 2022

A importância de organizar as obrigações...

Anualmente, as empresas precisam fazer um balanço de suas finanças e planejar os ajustes necessários para o próximo período. Essa é uma prática que traz segurança e tranquilidade para manter o negócio nos ...

27 de dezembro de 2021

Novas regras trabalhistas entram em vigo...

👉Transporte dos trabalhadores O vale só poderá ser usado em serviços de transporte coletivo urbano. Empregados domésticos é a única categoria que pode receber o vale-transporte de forma antecipada em dinheiro ou outra forma de ...

23 de dezembro de 2021

GFIP – Câmara aprova projeto que p...

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, o Projeto de Lei 4157/19, que anula débitos tributários pelo descumprimento da entrega da Guia de Recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço e ...

21 de dezembro de 2021

O fim da DIRF e seus impactos no eSocial

Dessa maneira, esse sistema vai alterando a maneira como a DIRF era vista, uma vez que a empresa que consegue trabalhar de forma adequada com o eSocial já está transmitindo mensalmente as informações ...

20 de dezembro de 2021

O sócio é responsável pela dívida da emp...

👉 Dívidas trabalhistas e previdenciárias – Como se trata de pessoas que dedicaram sua força de trabalho na empresa. Portanto, para a justiça, se o valor devido aos funcionários não forem pagos pela ...

10 de dezembro de 2021

Simples Nacional

O Diário Oficial da União publicou a Portaria do Comitê Gestor do Simples Nacional nº 33/2021, que divulga o sublimite para efeito de recolhimento de ICMS e ISS, no âmbito do Simples Nacional ...

Acesso rápido para clientes e parceiros

Estamos sempre dispostos a ajuda-lô.

Precisa de ajuda com alguma dúvida? Ligue já:
Atenção Cliente: Novos Whattsapp do Escritório Percont
RH – 55 3332-1618
Contabilidade – 55 3332-9512
Fiscal – 55 9 9910-0639